top of page

Saber dizer não

Ninguém gosta de ouvir "não". O "sim" tem outra fonética, traz consigo uma carga positiva, está associado ao avanço, optimismo e celebração.


Mas, por mais que custe dizer "não" (e ouvir, também) ele tem que ser dito, quando é precisamente essa mensagem que se deseja transmitir.


Acontece que dizer "não" parece ser tarefa difícil para muita gente.



Mas acreditem, eu prefiro ouvir "não" do que ouvir nada. Ficar na dúvida. É que com o silêncio não sabemos o que fazer, é um vazio, abstrato, sem norte, onde somos levados a pensar tudo, sabendo que só uma parte poderá estar certa. Mas qual parte?


Pelo menos o "não" é uma tomada de decisão, é uma referência, uma resposta, uma indicação, um sinal, com o qual posso melhorar na próxima oportunidade, refutar, contrapropor ou simplesmente aceitar.


Ficar sem resposta é o pior que se pode ouvir, depois do esforço colocado no desenvolvimento de uma proposta. Se por simpatia alguém pensa adiar ou evitar o não - quando não existe outra resposta possível - então que venha de lá o não e quanto mais cedo melhor.






Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page